Design

Category Archives — Design

Dica #257 Muda de tecnologias

Pondera se alterações na tecnologia que usas no suporte ao teu produto ou serviço, pode sofrer alterações e criar valor para o teu mercado.
Disponibiliza serviços digitais de apoio e interação (site, newsletter, linha de atendimento) ou propõem uma versão mais analógica para determinado segmento (espaço de atendimento físico, material em papel,etc).

Dica #256 Explora suportes diferentes

As alterações ao teu portfolio podem assentar numa mudança dos elementos de suporte à tua oferta principal.
Apostar em novas embalagens, merchandising, imagem, formas de comunicação e interação com o mercado podem refrescar a tua oferta e acelerar a tua presença no mercado.
Procura ajuda profissional e faz a diferença…

Dica #255 Premium ou Low cost

Uma forma e renovares o teu portfolio de forma fácil é desenvolvendo uma proposta premium ou low cost das tuas proposta atuais.
Permites ao cliente escolher opções que, eventualmente lhes sejam mais adequadas…E não digas que o teu produto/serviço não permite. Basta puxares pela imaginação.

Dica #235 És um empecilho para os teus clientes?

O que podes fazer para ajudar os teus clientes no seu dia-a-dia com o teu produto? 
Tenho um fornecedor cujas embalagens são iguais, independentemente dos modelos, tamanhos e características. Por muito organizado que seja um armazém localizar um produto rapidamente torna-se difícil.
O que podes fazer para facilitar o seu trabalho? Cores? Simbolos? Texto? 
Acredita que esse cuidado também se percebe e é muito valorizado…

Dica # 217 Cuidado com o teu inquérito de satisfação

Fazer inquéritos de satisfação é uma forma comum de obter informações sobre como a relação com o teu cliente correu.
Mas cuidado…quando o mesmo deixa transparecer que fazes por fazer e não para obter informação útil o cliente percebe.
Analisa a forma e métodos que usas e verifica se não estás a fazer perguntas demais ou de menos.
Ajusta!
Faz a diferença…

#195 Lê com os olhos do cliente

Por vezes, ao escrevermos as nossas mensagens não nos apercebemos de significados, expressões, sentidos que na perspectiva de quem lê estão desajustados.
Para além de te preocupares com erros e gralhas, quando revires as tuas peças comunicacionais, procura perceber se fazem sentido e qual a mensagem que os teus destinatários vão receber.
Evitas embaraços e aumentas a eficácia.

#140 Caixa de estore

Cuidado com os aspectos do teu produto ou serviço que aparentemente ninguém vê e que denotam falta de cuidado.
Outro dia abri uma caixa de estore e… que confusão. Claro que são para estar fechadas e escondidas mas pode ser necessário abrir. Apesar de oculto, algum cuidado e atenção faz toda a diferença e contribuí para a percepção e para o impacto causado relativamente ao todo.
Identifica as tuas “caixas de estore” e dedica-lhes alguma atenção…